Pacientes de Covid têm dívidas de até R$ 1,4 milhão com hospitais

Verônica Legnari, André Luiz Lopes e Aderbal Freitas, todos moradores de São Paulo, contraíram Covid-19 em março, em meio ao colapso da saúde. Desesperados pela falta de vagas no sistema público, seus familiares decidiram levá-los para hospitais particulares.

Pacientes de Covid têm dívidas de até R$ 1,4 milhão com hospitais

A medida pode ter sido decisiva para que os três sobrevivessem, mas também resultou em dívidas que chegam a R$ 1,4 milhão e financiamentos que podem durar uma década.

A Associação de Vítimas e Familiares de Vítimas da Covid-19 (Avico Brasil) presta consultoria jurídica para casos assim. “Indiquei muitas pessoas à Defensoria Pública que, no auge da crise, não encontravam vagas nos hospitais públicos. Não eram pessoas vulneráveis, porque o vulnerável, se ele não tem dinheiro, acaba morrendo sem alternativa. Eram pessoas com um pouquinho mais de condições”, explica Paola Falceta, presidente da Avico Brasil.

Leia mais no Metrópoles, parceiro de F5News

 

 

Home

Deixe uma resposta